The IronMan project – Versão 2

Como parte do meu projeto mensal, quis criar um verdadeiro IronMan. OK, ele não vai sair por aí salvando famílias nos confins do mundo contra terroristas nem salvando o planeta por portais interdimensionais (ou será que sim?), mas poderá se movimentar utilizando da biomimética humana.

Calma aí, biomimética humana? Me explica isso aí Gui porque não entendi nada. Simples, estou criando um robô humanoide que imita os movimentos de alguém que está na frente dele. Agora ficou fácil né?

Com o advento da tecnologia e automação os androides, vai ficar cada vez mais comum encontrar nas indústrias e grande empresas alguns humanoides que estarão nos ajudando a executar tarefas de grande risco de vida, trabalhos manuais de peso, salvamento de pessoas em desabamentos e áreas perigosas, e quem sabe ainda, serão policiais e protetores do bem e da verdade (vide o filme Chapman, I Robot, AI entre tantos outros).

Baseado então no personagem dos quadrinhos, mas não somente nisso, fiz o primeiro protótipo indicado abaixo que tem apenas uma estrutura que se pareça com o personagem original.

A estrutura corporal lembra bastante o busto original e isso acabou servindo de ideia para saber se todos os motores e blocos caberiam dentro dele. Infelizmente o tamanho ainda era pequeno para suportar todos os sensores e motores para se alcançar toda a complexidade que gosto de adicionar. Por isso a versão 2 (logo abaixo) foi criada.

Nessa versão, temos 4 motores funcionais desempenhando o papel de movimento dos braços, sei que ainda está simples e sofrerá alterações, mas de qualquer forma, já funciona bem imitando os movimentos de seu operador. Uma cabeça enorme foi adicionada e poderá sofrer alterações, mas pelo que parece, vai ficar essa mesmo!

Quanto à programação, não vou dizer que seja a mais simples que já desenvolvi e de longe não é a mais complicada, mas é bem interessante e funcional, em breve adicionarei alguns vídeos pra ilustrar os movimentos e maiores detalhes sobre a biomimética utilizada. O que acham?

Espero que gostem, aguardo comentários!
Enjoy!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *